Estado de Oklahoma determina ensino da Bíblia em escolas públicas

  • 01/07/2024
Estado de Oklahoma determina ensino da Bíblia em escolas públicas
Estado de Oklahoma determina ensino da Bíblia em escolas públicas (Foto: Reprodução)

O Departamento de Educação de Oklahoma, nos Estados Unidos, determinou que todas as escolas públicas do estado ensinem a Bíblia em sala de aula, do Ensino Fundamental ao Ensino Médio.

O superintendente estadual da Educação de Oklahoma, Ryan Walters, anunciou a medida na última quinta-feira (27), argumentando que a Bíblia é um documento histórico importante da história dos EUA.

"A Bíblia é um documento histórico necessário para ensinar nossas crianças sobre a história deste país a ter uma compreensão completa da civilização ocidental, a ter uma compreensão das bases do nosso sistema jurídico", declarou Ryan, durante a Reunião Ordinária do Conselho Estadual de Educação.

Ele destacou que a Bíblia foi utilizada em eventos históricos como "um dos documentos mais fundamentais usados para a Constituição e o nascimento de nosso país".

E destacou: “É essencial que nossos filhos tenham uma compreensão da Bíblia e de seu contexto histórico".

Segundo Ryan, o Departamento de Educação de Oklahoma estava emitindo um documento para todos os distritos escolas, determinando que "todos os professores, todas as salas de aula do estado terão uma Bíblia e ensinarão a Bíblia na sala de aula para garantir que esse entendimento histórico esteja lá para todos os alunos no estado de Oklahoma de acordo com seus padrões acadêmicos".

A medida acontece após a Suprema Corte de Oklahoma decidir que uma escola católica financiada pelo Estado era inconstitucional. 

A nova norma gerou polêmica entre os defensores da laicidade nas escolas americanas. “As escolas públicas não são escolas dominicais", criticou a presidente da American United for Separation of Church and State, Rachel Laser, em comunicado.

“Obrigar o uso da Bíblia no currículo das escolas públicas de Oklahoma é um esforço transparente e inconstitucional para doutrinar e coagir religiosamente os alunos das escolas públicas", acrescentou.

Em junho, a Louisiana se tornou o primeiro estado americano a exigir a exibição dos Dez Mandamentos em todas as salas de aula das escolas públicas, após o governador republicano Jeff Landry assinar um projeto de lei.

FONTE: http://guiame.com.br/gospel/noticias/estado-de-oklahoma-determina-ensino-da-biblia-em-escolas-publicas.html


#Compartilhe

Aplicativos


Locutor no Ar

Anunciantes